quinta-feira, 1 de junho de 2017

Oficina Orago no Convento de Sanfins

Convocando o genius loci do Castro e Mosteiro de Sanfins, a Oficina Arara fará uma instalação animista que se disseminará por entre os espaços em ruína e pelas áreas florestadas circundantes à igreja, num processo de contaminação mútua.
Um vasto conjunto de peças de média escala, produzidas em materiais naturais semelhantes aos existentes no local (madeira e pedra), serão intervencionadas com representações abstractas e figurativas – antropomórficas e zoomórficas, que se distribuirão por entre os numerosos recantos, paredes, nichos, janelas, corredores, colunas, escadarias, árvores, caminhos, trilhos pedestres, etc., evocando no local vivências fantasmáticas e outras dimensões simbólicas.
Pontualmente as peças serão animadas com recurso a metais reflectores, tendo em vista a criação de efeitos ópticos, lumínicos e sonoros.
A instalação contará ainda com a criação de pinturas murais de pequena e média dimensão –  utilizando para o efeito cal e tintas naturais sem impacto no meio ambiente –, onde se irão desenhar pictogramas tendo em vista à criação de um alfabeto próprio, encriptado, realizado colectivamente com as crianças do município, na oficina realizada dia 1 de Junho, dia da Criança.