sábado, 30 de maio de 2015

Valenciano Apanhado com mais de 800 quilos de bronze furtado

A PSP apreendeu esta sexta-feira, em duas sucatas, uma em Viana do Castelo e outra em Braga, mais de 800 quilos de bronze furtados, disse à Lusa fonte policial.
O segundo comandante da PSP de Viana do Castelo, Raul Curva, adiantou que no decurso da operação foi identificado um homem de 40 anos, de Valença, suspeito de ter furtado aquele material "alegadamente de uma fábrica situada naquela cidade", e vendido a uma sucata em Viana do Castelo.
Na quarta-feira, durante uma ação de fiscalização aquela sucata situada na zona empresarial da Praia Norte, a PSP apreendeu "cerca 300 quilos de bronze, já fundido".
Os agentes da Esquadra de Intervenção e Fiscalização Policial constataram que "o proprietário já tinha vendido parte do material adquirido ao suspeito a uma outra sucata, em Braga", onde a PSP viria a apreender, na quinta-feira, "mais de 500 quilos daquele material fundido".
De acordo com o segundo comandante da PSP o valor do material apreendido ronda os oito mil euros.
O processo vai agora ser comunicado ao Ministério Público para investigação.
in Correio da Manhã

sexta-feira, 29 de maio de 2015

Mar-Ibérica Recebe Alunos da ETAP VALENÇA

Os alunos da turma de Técnico de Contabilidade - 12º ano, da Etap - Escola Profissional, unidade de formação de Valença, realizaram uma visita de estudo à empresa Mar Ibérica, SA. Esta atividade decorreu no âmbito da Prova de Aptidão Profissional com a designação de “Contabilidade Analítica” do aluno Deyvidson Celso.
A Mar Ibérica, Sociedade de produtos alimentares, SA., localiza-se em S. Pedro da Torre -  Valença, dedica-se à transformação e comercialização de produtos do mar ultracongelados, nomeadamente, peixe e marisco. Fundada em 1987, inicialmente, dedicava-se à comercialização de peixes fresco, o que permitiu conhecer melhor a concorrência e o método da seleção de matérias-primas. Esta empresa tem como principal objetivo prestar serviços de excelência aos seus clientes. 
Os alunos ficaram a conhecer a sua história, o seu funcionamento, os principais fornecedores e clientes no mercado interno e externo, o processo de armazenagem e de produção, as instalações, os projetos futuros, nomeadamente, a construção de uma câmara frigorífica de armazenagem de matérias-primas que irá substituir os espaços alugados em Espanha (Porriño e Vigo), a forma de comercializar os produtos, entre outros aspeto relevantes.
 A visita decorreu dentro da normalidade, os alunos gostaram e mostraram interesse, colocando questões bastantes interessantes.
Deyvidson Celso, Técnico de Contabilidade- 12º ano

Festa da Srª de Fátima em Guillarei


Eurocidade Organiza Sendeiro Ponte do Ramo


Valença HC Recebe Infante Sagres


Dia Mundial da Criança em Gondomil


Dia Mundial da CRiança em Gandra


quinta-feira, 28 de maio de 2015

90º Aniversário do Sport Clube Valenciano - 1º Convívio de Antigos Atletas/Treinadores e Dirigentes

O  Sport Clube Valenciano comemora, este ano, o 90º aniversário, com um conjunto de atividades  evocativas desta data histórica. Em 1925 Valença oficializou a criação de um clube de futebol que, ao longo destes 90 anos, foi um grande impulsionador da atividade desportiva e que proporcionou grandes momentos de glória à cidade.
A primeira atividade programada é o 1º convivo de antigos atletas, treinadores e dirigentes que decorrerá na Praça da República, em frente à Câmara Municipal, na Fortaleza, sábado, 30 de maio, a partir das 11h15. Está programada uma receção por parte do Presidente da Câmara  aos participantes no convívio. No ato será homenageado Alfredo Pinto, mais conhecido por “Espirra”, hoje, com 96 anos um jogar histórico que ao serviço do S.C. Valenciano foi campeão distrital, nos anos trinta, do último século e disputou campeonatos nacionais ao serviço do clube valenciano.
No âmbito das comemorações estão, ainda, programadas a Festa do Futebol Distrital, com a Super Taça da A.F.V.C. - Associação de Futebol de Viana do Castelo, a realizar no Estádio Dr. Lourenço Raimundo, a realizar no dia 10 de junho.  A grande festa da comunidade do S.C. Valenciano está programada para o dia 20 de junho com o Arraial Valenciano.
As comemorações são organizadas por uma comissão promotora que conta com o apoio do Sport Clube Valenciano e da Câmara Municipal de Valença.

Câmara Quer Facilitar a Vida aos Valencianos - Obras para o Balcão Único Municipal já começaram

 A Câmara Municipal de Valença está a recuperar o edifício da antiga Caixa Geral de Depósitos na Fortaleza, numa obra com o valor de 150 mil euros. O edifício vai receber o novo Balcão Único Municipal e do Cidadão.
     No piso intermédio do edifício, com acesso para a Rua Mouzinho de Albuquerque, ficará o novo Balcão Único Municipal onde estarão concentrados todos os serviços de contacto direto com o cidadão, bem como o respetivo backoffice de apoio. Um espaço que agrupará os serviços de atendimento ao público e permitirá que os munícipes possam tratar de diversos assuntos, evitando a necessidade de se deslocarem e de se dispersarem entre os vários serviços municipais, bem como um posto de atendimento dos diversos serviços da administração central.
     Na parte superior do edifício mantém-se os serviços de educação. Na cave ficará o novo Datacenter Municipal, com os servidores da informática e comunicações de apoio aos serviços municipais. Uma nova valência que permitirá uma maior segurança e eficácia na gestão da informação digital e apoio aos equipamentos informáticos. A Caixa Multibanco que se encontra no interior do edifício será reposicionada com contacto direto para a Rua Mouzinho de Albuquerque.
     A intervenção no edifício permitirá, ainda, o acesso a cidadãos com mobilidade reduzida, com rampa de acesso, pela rua da Oliveira e elevador que servirá os três pisos.
     Esta obra enquadra-se no plano de valorização do património municipal que tem permitido, nos últimos anos, recuperar, readaptar e dar novas funções e utilidades a um conjunto de imóveis que estavam abandonados ou com respostas que já não correspondiam às necessidades da comunidade. Para além da intervenção no edifício da Caixa, a Câmara Municipal tem obras em curso no Complexo da Piscina Municipal e no painel artístico do edifício da Alfândega Cultural, bem como realizou intervenções , nos últimos anos, na antiga Assembleia Valenciana, com transformação em Arquivo Municipal, nos Pavilhões Municipais e deu nova vida e funcionalidades às antigas escolas primárias.
     A obra do antigo edifício da Caixa vai ser financiada em 85%, no montante de 60 mil euros, pelo programa Compete – SAMA – de modernização administrativa e instalação do Balcão Único e do Empreendedor.

1º Passeio de Motorizadas de Taião


MARIBERICA Aposta no Mercado da Polonia

A empresa valenciana MARIBÉRICA reforça aposta no mercado da Polónia marcando presença em Varsóvia, na "Flavours of Portugal"  o maior evento de promoção de Portugal na Polónia. Este evento de uma semana é organizado pela Câmara de Comércio Polaco -Português e oferece a possibilidade de dar a conhecer a gastronomia portuguesa, maravilhosos vinhos e cultura única ...

Inscrições para a Piscina até dia 29 de maio - 15 Atividades Diferentes para si

A Escola de Natação da Piscina Municipal de Valença tem abertas as inscrições para a nova temporada desportiva 2014/15, até sexta, 29 de maio, entre as 8h e as 21h00.
     Este é o complexo desportivo da região com maior utilização e diversidade de oferta de serviços com 15 atividades diferentes para os seus utentes. Aulas monitorizadas de Hidroginástica, Hidrosénior, Hidropower, Atividade Aquáticas Adaptadas, Hidrobike, Aulas de Natação infanis com seis níveis, Iniciação à Natação, Aprendizagem, Manutenção para adultos, banhos livres, sauna, ténis, minibasket, padel e natação para bebes são o reflexo da variada oferta, com uma dimensão que não encontra paralelo na região.
     A Piscina Municipal de Valença é o principal equipamento público da Eurocidade servindo uma população direta de 35 mil habitantes. Com excelentes taxas de utilização que no anos de 2014 atingiu o valor de 106 mil entradas de utentes. Uma verdadeira piscina transfronteiriça e símbolo da eurocidade com uma utilização a rondar os 50% de portugueses e 50% de espanhóis.
     A Piscina Municipal pretende ser um estimulo à prática desportiva junto da comunidade, fundamental para a melhoria da qualidade de vida e saúde das pessoas. As atividades hidro proporcionam bem estar físico e mental, no dia a dia de cada um, com claros benefícios na tonificação muscular, na melhoria do aparelho cardiovascular, respiratório, na mobilidade, destreza, noção de lateralidade e na postura corporal.
     A Piscina permite potenciar hábitos de vida saudáveis, com prática desportiva regular, potencia a segurança das crianças e adultos no meio aquático ensinando a nadar e traz grandes benefícios para a saúde dos utentes, nomeadamente para os que a procuram para fins terapêuticos, recomendados pelos médicos.
     O Complexo da Piscina Municipal está a receber obras de manutenção profundas de modo a reabrir, em meados de setembro, requalificado, com todas as comodidades, conforte e com valências reforçadas, ao serviço da comunidade de Valença e Tui e desta região transfronteiriça.

Fomento hará salas de exposición en el palacio episcopal de Tui

El Concello de Tui anunció ayer que el Ministerio de Fomento ejecutará un ambicioso proyecto para asegurar los fondos de los museos religiosos del municipio y facilitar su acceso y estudio. La actuación prevé trasladar al palacio episcopal el museo diocesano y abrir las instalaciones al público. Se trata de un proyecto que promovió la Consellería de Cultura que posibilitará destinar varias estancias del palacio a espacios expositivos que permitan mostrar tesoros ahora guardados en la catedral.
El plan incluye el traslado del los archivos capitular, de curia y el histórico diocesano, unificados desde el año 1974 para facilitar la investigación, al edificio del actual Museo Diocesano, en el entorno de la catedral, antiguo hospital y residencia de las Franciscanas Blanquitas.
Sus fondos documentales, cubrirían dos kilómetros y diez siglos de historia, pero en la actualidad está colapsado por la falta de espacio. En los fondos de pergaminos hay privilegios reales, bulas papales y foros y testamentos. Entre ellos, figura un privilegio original de 1071 firmado por doña Urraca, uno de los apelativos con el que se nombra la ciudad.
Para fomentar el acceso al palacio, dentro del claustro catedralicio, se construirá un ascensor. En la primera planta habrá una pequeña biblioteca y sala de consulta. En las entreplantas primera y segunda estarán las salas de exposiciones. El plan incluye restaurar la cubierta del edificio, sanear las fábricas y mejorar los aseos.
El museo diocesano de Tui que se trasladará alberga piezas únicas y originales. Entre ellas están los cinco paneles con los catorce sambenitos de la Inquisción, únicos en España. Estos valiosos documentos históricos, restaurados y colgados ahora juntos en una pared, corresponden a personas concretas, herejes encausados ante el tribunal eclesiástico de la Inquisición durante el siglo XVII.
in La Voz de Galicia

Caminhada Noturna em Gandra


quarta-feira, 27 de maio de 2015

Valenciano Morre em Acidente de Trabalho no Canada

Uma pessoa morreu e outro foi levado para o hospital em estado grave após um acidente industrial em Markham.
Um elevador industrial virou para o lado em Downtown no desenvolvimento de novos Markham, no cruzamento da estrada Birchmount com a Enterprise Boulevard, segundo a polícia. O elevador foi aumentada para cerca de sete metros e foi posicionado no canto noroeste de um novo prédio quando ele tombou.
De acordo com Ornge, um homem em seus 50 anos, natural de Valença - Portugal  foi esmagado por uma viga de 226 kg. 
in CBC News Toronto

Sport Clube Valenciano 90 anos - 1925 - 2015

Estávamos nos primeiros anos da segunda década do presente século, quando o futebol Valenciano iniciou os seus primeiros passos.
Um grupo de rapazes da Vila e outros, residentes, com alguns elementos da guarnição militar de Valença, principiaram a prática da modalidade, como passatempo, no Campo de Marte-Parada do Quartel.
Muitas vezes foram estilhaçados os vidros das janelas das casas da rua 5 de Outubro, com grandes protestos dos seus moradores e, tal facto, originou a proibição da modalidade naquele local. Por isso mesmo, foi transferida para o antigo “Campo de Exercícios” ou “Campo dos Eucaliptos”.
Entre os mais destacados praticantes dessa época, recordamos: Amadeu de Sousa, Abílio Cerdeira, Ernesto Cabanilhas, José da Mota Lopes, Mário Mota, José e João Seixas, Alfredo e Albérico Passos, Humberto V. Ferreira, António Maciel, José Maria Correia, Ernesto Reitor, Benjamim Costa e José Benigno Costa.
Embora mais evoluídos tecnicamente do que os valencianos, eram os praticantes da modalidade na vizinha cidade Espanhola de Tui, os únicos adversários nos encontros então realizados e, por tal motivo, além da forte rivalidade existente entre ambas as localidades, era frequente um final de pancadaria.
Cada um dos atletas já se munia, antecipadamente, com o frasco do álcool, ligaduras, tintura e tudo quanto pudesse ser necessário em caso de ferimentos ou lesão. Também eram os próprios atletas quem compravam as botas e demais equipamento e custeavam todas as despesas relativas ao seu transporte.
Com este nascimento, tão pobre monetariamente, mas rico espiritualmente, à medida que ia crescendo a sua fama e o conhecimento que dele se ia tendo, principiou a crescer também o número de praticantes e simpatizantes pelo novo desporto da terra. 
Foi então que se conseguiu licença para a utilização do “fosso” entre os baluartes de Nossa Senhora do Faro e de S. Francisco, para a prática daquela atividade desportiva, cem por cento amadora. Foi ali que, com os “nossos rapazes” já bem senhores da matéria, quanto a técnica e preparação física, orientados por um sul-americano bem conhecedor da modalidade e aqui exilado, que se começaram a “dar cartas”. Foi ali, naquele mesmo “fosso”  que o “Real Club Afonso XIII”, de Pontevedra, depois de uma vitoriosa digressão pelo nosso país, veio sofrer a sua primeira derrota, não pela superioridade dos “rapazes de Valença”, mas porque os de Pontevedra, acostumados a campos de maiores dimensões, estranharam, não se conseguindo adaptar às diminutas dimensões do “fosso”. 
Continuando na sua ascensão no valor e no tempo, é em 1925 que se organiza o SPORT CLUBE VALENCIANO,  com sede própria, adquirida para o efeito.
Continuando a sua carreira desportiva, aparece entre nós, em 1929 o grande  Guarda Redes olímpico “Roquete”, o qual, com o seu nome, saber e dedicação, deu ao desporto Valenciano grande incremento. Nessa altura, o Sport Clube Valenciano já utilizava o então novo “Campo das Antas”, devidamente preparado para o efeito, graças ao dinamismo dos diretores da época e ao grande bairrismo dos sócios do Clube e de todo o povo Valenciano. 
Entre os elementos diretivos do Sport Clube Valenciano desses dias, destacam-se os senhores, Armando da Costa Maciel, Dr. Eugénio Higgs Ribeiro, António Fernandes, Alípio Condessa, Abraão Henrique Pinto, Floriano Correia, Benjamim Ribeiro Ferreira, Salustiano de Faria, Joaquim Mestre Crespo, Bento F. Cruz, José Benigno Costa, entre outros. 
Ficou-se a dever ao Senhor Joaquim da Silva Morgado o fornecimento gratuito das madeiras utilizadas nas obras de vedação do aludido Campo das Antas, bem como na edificação das bancadas, balneários e sanitários, os quais, expostos ao tempo, acabavam por trazer ao Sport Clube Valenciano, despesas mais ou menos constantes e por vezes avultadas e que a situação financeira do clube não podia permitir. Daí resultou que com o tempo, foi forçoso entregar os madeiramentos ali existentes, para custear a dívida que havia sido contraída com essas mesmas despesas de manutenção.

Foi nessa altura, a 18 de Agosto de 1929, que se realizou naquele Campo a “Grandiosa Gincana Automóvel”, na qual tomaram parte algumas dezenas de concorrentes, muitos dos quais da vizinha Espanha e, cujo êxito se ficou a dever ao seu grande organizador e impulsionador, Fernando Marques da Costa, tendo sido feita a distribuição de prémios no Salão Nobre da Assembleia Valenciana, amavelmente cedida para o efeito.
Assim, entra-se em plena atividade desportiva, com a chegada da terceira década, durante a qual o Sport Clube Valenciano, disputa o Campeonato Distrital de Viana do Castelo, tendo como adversários o Sport Clube Vianense, Desportivo de Monção, Lusitano FC e Triunfo SC de Ponte de Lima. Chega-se assim, ao dia 2 de Janeiro de 1938, dia em que, em Viana do Castelo, se vai disputar o título de Campeão Distrital, entre o Sport Clube Valenciano e o Sport Clube Vianense. O nosso Clube alcança assim, para glória de Valença e das suas gentes, no campo do adversário, o tão ambicionado título de Campeão, com o resultado de 1-0.  
Ascende à categoria superior, e tem que se defrontar com o Sporting de Braga, Sport Comércio e Salgueiros do Porto e, Boavista Futebol Clube, também do Porto, no campo das Antas.
É ainda ali naquele campo que, num improvisado estrado, é levado a efeito um encontro de Boxe entre o Valenciano, Alcindo Passos e outros pugilistas de renome.
A partir dessa época, começa a decadência do Sport Clube Valenciano, não só por falta de atletas, mas também por falta de apoio, concorrendo ainda grandemente para o facto a forma pouca justa como eram tratados todos os assuntos na respectiva Associação, em Viana do Castelo.
Desta forma e até à segunda metade do ano de 1967, o Sport Clube Valenciano fica na inatividade desportiva, extorquido até do seu querido Campo das Antas, agora propriedade dos herdeiros do Dr. Artur Lourenço Raimundo.
Porém, depois da tempestade um grupo de “bons valencianos”, numa conjugação total de esforços, alheios a canseiras e trabalhos, resolve dar vida ao Valenciano de outros tempos e, para tanto, decide inscreve-lo na agenda da Associação de Futebol de Braga, com as categorias de Seniores e Juniores, para a época 1967/68 e, desta forma ressuscita o futebol Valenciano.
Embora sem grandes possibilidades técnicas e mesmo financeiras, a verdade é que consegue, no final, ascender à segunda divisão Distrital, graças ao esforço quase sobrenatural de alguns dos seus dirigentes, que, sem campo adequado, utilizando o campo do Ganfeiense, na Oliveira da Mosca, vão lutando, dia após dia, até alcançarem a meta que era, a garantia de continuação de um Sport Clube Valenciano desportivo.
A Direção do Clube, desde a sua posse, começou a envidar todos os seus esforços no sentido de obter uma solução adequada para os problemas do campo. Nomeou uma comissão encarregada do estudo necessário à aquisição do terreno para o futuro Campo de Jogos do Sport Clube Valenciano e à recolha de fundos para o efeito, comissão essa constituída pelos senhores, António Júlio Alves Pinto, José Mendes Castelão, José Júlio Cerqueira Afonso e Armando Lopes Correia Costa.
Volvidos cerca de seis meses após o início das atividades, para a glória de Valença e do seu desporto, o Sport Clube Valenciano é proprietário do antigo Campo das Antas, com uma área de 14.000m2, onde pretende edificar o seu campo de jogos ao qual decidiu chamar-se “Estádio Dr. Lourenço Raimundo”.

1º Seminário Norte de Portugal Galiza sobre Bibliotecas


SOS VIDA ETAP Valença em parceria com os Bombeiros Voluntários locais

Como complemento da Prova de Aptidão Profissional, a aluna Andreia Macedo, finalista do curso Técnico de Contabilidade da ETAP – Escola Profissional, Unidade de Formação de Valença, organizou um conjunto de atividades subordinadas ao tema “ SOS VIDA”. 
Estas foram realizadas com a colaboração da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Valença. A primeira atividade consistiu numa breve apresentação sobre o Suporte Básico de Vida, onde foram abordados diversos temas: como realizar uma chamada para o 112, a cadeia de sobrevivência e uma demonstração do Suporte Básico de Vida, a cargo de uma bombeira da Associação.
De seguida, efetuou-se uma simulação de um acidente de viação, onde dois alunos da ETAP – Escola Profissional, Unidade de Formação de Valença se voluntariaram como vítimas. Este simulacro foi realizado por diversos bombeiros, divididos em três equipas - uma para a extinção do incêndio e duas para as ambulâncias.
Na parte da tarde, foi organizada uma visita ao Museu do Bombeiro e ao Núcleo Museológico de Valença, situados na Fortaleza desta cidade. 
Estas atividades revestiram-se de muito interesse e serviram para valorizar a componente humanitária e o árduo trabalho desenvolvido pelos bombeiros, o que nem sempre é reconhecido.

Dia Mundial da Criança em Valença


A Deputación de Pontevedra concedeu preto de 150 mil euros ao Concello de Tui para melloras en pavimentacións

A Deputación de Pontevedra concedeu 149.255 euros ao Concello de Tui ao abeiro do Plan Provincial de Obras e Servizos para levar a cabo catro melloras na pavimentación en distintos lugares do termo municipal.
Por unha banda a entidade provincial concedeu unha achega de 52.744,66 euros para a mellora da pavimentación no lugar Estrada, Randufe. Outra partida de 28.897,98 euros irá destinada ao lugar de Outeiro, tamén en Randufe. Un total de 30.267,62 euros estarán dirixidos para mellorar a pavimentación no acceso ao Monte das Penizas dende o Rapadouro, en Paramos, e finalmente, a Deputación entrega ao Concello de Tui 37.345,62 euros para investir en melloras no lugar de Fonteseca, en Pexegueiro.

A empresa Sumyrent fixo unha doazón de alimentos aos Servizos Sociais do Concello de Tui

A empresa Sumyrent, situada no Cerquido, en Salceda de Caselas, fixo entrega hai uns días, a través do seu xerente, Luis Barros Blanco,  dunha doazón de alimentos ao Concello de Tui. 
Esta empresa, dedicada ao aluguer de maquinaria, doa un euro de cada operación para distintas causas benéficas a través de asociación e dos concellos... doando este mes o importe da súa doazón en alimentos aos Servizos Sociais Comunitarios do Concello de Tui. A recepción desta achega fíxoa a concelleira de Servizos Sociais en funcións, Olga Montes, quen agradeceu e eloxiou a iniciativa de Sumyrent. 

Apresentacion de Libro en Tui


El apoyo de cuatro grupos garantiza al socialista Cabaleiro la Alcaldía de Tui

El BNG, AT, C21 y Son de Tui sumarían diez concejales junto a los tres del PSOE - Antes del acto de investidura se cerrará el diseño de gobierno y reparto de responsabilidades

Enrique Cabaleiro González, de 45 años de edad, con pareja y padre de una niña, pedirá excedencia como funcionario de prisiones para asumir dedicación exclusiva como alcalde de Tui, en el caso de que se materialicen los apoyos que ha recibido para ostentar este cargo. Veinticuatro horas después de conocerse los resultados electorales, recibía las confirmaciones de apoyo para su investidura por parte de los grupos políticos de BNG, Alternativa Tudense (AT) y Son de Tui, y esperaba recibirlo hoy de Converxencia 21. Entre todos ellos suman diez concejales, mayoría absoluta. "No pregunté al partido, ni recibí instrucciones del partido. Primero es Tui y después el PSOE", manifiesta Cabaleiro.
El Concello de Galicia con más grupos políticos en la corporación municipal, con un total de ocho, daba ayer por hecha esta alianza, avanzada en el día anterior por los representantes cada uno de estos grupos.
Enrique Cabaleiro aclara que las respuestas afirmativas se justifican porque "no puede defraudarse el sentimiento de cambio expresado en las urnas y todo apunta a que favorecerían mi investidura como alcalde".
La idea que se plantea es que antes de este solemne acto "se cierre el diseño de gobierno y reparto de responsabilidades", de lo que espera informar primero a la opinión pública en el transcurso de la próxima semana.
Justifica la rapidez porque "todos tenemos claro que no se puede defraudar a la ciudadanía. Por eso, cuanto antes se le debe de informar de este cambio".
Entre los términos que se proponen en este proceso está la asignación de áreas al alcalde y a cada uno de los restantes concejales, que sumarían un total de nueve pues Carlos Padín, de C21, sólo asegura el apoyo para la investidura, no para entrar en el gobierno.
Se procederá al reparto de miembros en órganos colegiados (comisión de gobierno e informativa de Asuntos Plenarios) y se propondrán reuniones semanales fijas del equipo de gobierno.
La intención es reducir al máximo el número de dedicaciones exclusivas. Además del propio alcalde, podría crearse la de Vías y Obras, "porque es necesaria", opina. El resto de áreas, se analizarán.
Actuaciones
La idea fundamental, según Cabaleiro, es que "se necesitarán muchas inversiones y contaremos con recursos de la Diputación para obras como la mejora de infraestructuras en el casco urbano y en el rural.
La prioridad de las diez formaciones políticas es la creación de aparcamientos en el casco urbano. "Será el primer asunto a solucionar, en el menor tiempo posible. Es una demanda a voces". La segunda actuación será la implantación de transparencia en la gestión del Concello, con administración electrónica, uso de página web como medio de participación y creación de mecanismos que favorezcan esa participación ciudadana en la vida municipal. Se creará una comisión de sugerencias y reclamaciones. Cada una de las concejalías tendría un horario de atención al público.
Se reunirán con el equipo redactor del Plan Xeral para iniciar los trámites de su modificación. Se abrirá un periodo de exposición pública del documento, con asesoramiento a los vecinos, para que participen.
in Faro de Vigo

Valença Moderniza Piscina Municipal Equipamento de Última Geração com Maior Parque Solar do Alto Minho

A Câmara Municipal de Valença avançou com uma obra de fundo de revitalização de toda a estrutura da Piscina Municipal no valor de 455 mil euros. Esta grande intervenção neste equipamento público de Valença, em funcionamento há já 20 anos, pretende garantira qualidade do equipamento e reduzir os custos de funcionamento, bem como maior responsabilidade ambiental.
A obra incide na renovação da fachada com a substituição da caixilharia e vidro, bem como de toda a cobertura de modo a permitir uma maior eficiência térmica.  Ao nível dos equipamentos serão renovadas as maquinas de tratamento de água  e no exterior será criada uma nova pista de Padel e um campo de Mini Basket.  Ao nível da super-estrutura de madeira, que suporta a nave da piscina (a primeira em Portugal a implementar esta técnica construtiva) será alvo de manutenção e protegida, agora, pela nova fachada – estrutura em aluminio exterior.
Na área da eficiência energética está a ser renovado o sistema de iluminação para holofotes leds, bem como o sistema de desumidificação. A Piscina vai implementar, também, um sistema inovador de monitorização de todos os gastos energéticos de modo a reduzir os consumos de gás e eletricidade.
Para o aquecimento das águas sanitárias e dos tanques da Piscina a Câmara Municipal montou o maior parque solar do Alto Minho com 96 painéis solares.  Um sistema que permitirá dar resposta aos 400 banhos diários da Piscina e implementar um sistema inovador, neste tipo de equipamentos, de aquecimento dos tanques, durante grande parte do ano, com àgua quente solar.
O Complexo da Piscina Municipal é um equipamento público transfronteiriço que contabiliza, por ano, 106 mil entradas, em 2014.
Esta obra enquadra-se na política municipal de sustentabilidade e valorização do património municipal que nos últimos anos tem permitido recuperar e readaptar um conjunto de imóveis que estavam abandonados ou que já não davam uma resposta eficiente às necessidades da comunidade. Para além do complexo da Piscina Municipal destaca-se, nos últimos anos, a recuperação dos edifícios da antiga  Assembleia Valenciana, com transformação em Arquivo Municipal ou a intervenção no emblemático painel do edifício da Fronteira, bem como as recuperações dos Pavilhões, do antigo edifício da Caixa Geral de Depósitos na Fortaleza, bem como das antigas escolas primárias.
Este conjunto de intervenções na Piscina são financiados pelos fundos comunitários através do programa ON 2.
Para o Presidente da Câmara, Jorge Mendes, “Investir na Piscina Municipal é investir num equipamento, hoje, essencial à qualidade de vida dos valencianos. Garantir a durabilidade, eficiência e utilidade dos equipamentos públicos é um dever de quem gere o Município”.

Passa fronteira em contramão em Valença

Fez dez quilómetros em contramão, colocando em perigo as vidas de dezenas de condutores, numa louca viagem entre Espanha e Portugal. Foi apanhado já depois de atravessar a fronteira – sempre em sentido proibido –, em São Pedro da Torre, concelho de Valença. O caso tem como protagonista um homem de 79 anos que conduzia um Citroën ZX, de matrícula espanhola, no passado dia 14. Apenas ontem a situação foi tornada pública pela Guardia Civil, em comunicado. O idoso entrou em contramão na autoestrada A55, na zona de Tui, em direção a Portugal. "Ainda que sem pretendê-lo", refere a Guardia Civil, aludindo ao estado de desorientação do homem, "e embora não causando acidentes, colocou em risco a sua vida e de dezenas de condutores". Na altura, vários telefonemas de automobilistas em pânico que tiveram de se desviar do idoso chegaram ao número de emergência. Guardia Civil e GNR montaram então uma operação que culminou, cerca de 15 minutos depois do primeiro alerta, com a interceção e detenção do condutor, na A3, em São Pedro da Torre. Foi presente ao tribunal de Valença e libertado. O caso segue agora termos em Espanha.
in Correio da Manha

terça-feira, 26 de maio de 2015

Dança Com Petiscos em Verdoejo


Valenciano Comemora 90 Anos


Feira da Adoção Valença


ESCE: Diretor de Qualidade do El Corte Inglês presente no 7º Fórum da Qualidade

A Escola Superior de Ciências Empresariais de Valença vai receber mais uma edição do Fórum da Qualidade. O evento, que anualmente reúne cerca de duas centenas de participantes, vai já na sua 7ª edição e vai decorrer no dia 5 de Junho, nas novas instalações do estabelecimento de ensino. De acordo com José Carlos Sá, o responsável pela Pós-graduação em Gestão da Qualidade, antevê-se desde já mais um sucesso, já que são muitos os nomes de reconhecido mérito nacional e internacional disponível para partilhar as suas experiências neste espaço de debate da gestão da qualidade. O orador principal desta edição é o Diretor de Qualidade do El Corte Inglês, mas são muitas as empresas de topo que vão expor as suas experiências na área da gestão da qualidade nas suas mais diversas vertentes. O Fórum da Qualidade é aberto a todos os interessados. A inscrição é gratuita mas, por questões de logística, é também obrigatória.
in Rádio Geice

segunda-feira, 25 de maio de 2015

Partido Socialista Quiere Goberno Estable en Tui

O Partido Socialista foi onte a segunda forza máis votada en Tui logrando 1.831 votos que se traducen en tres representantes, un máis que o que tiña o PSOE na actual corporación. 
Enrique Cabaleiro González, líder do PSOE en Tui, reunirase esta semana coa comisión executiva do partido para analizar os resultados, e posteriormente contactará cos líderes de C21, BNG, Alternativa Tudense e Son de Tui para establecer as bases de negociación de cara á formación dun goberno estable para Tui. Ten claro que só asumirá responsabilidade de goberno se hai estabilidade e se conforma un proxecto político para solucionar os problemas da cidadanía.
in Rádio Tui

Ocho grupos se reparten la corporación de Tui y el PP cae de 9 a 4 concejales

El PP no solo ha perdido la mayoría absoluta en Tui. Sus apoyos han caído a más de la mitad y, de 9 pasan a 4 concejales electos. Hubo un empate técnico con el PSOE hasta casi el último momento. La formación de Enrique Cabaleiro consigue 3 concejales y él se postula como posible alcalde. Si consiguiera los apoyos suficientes por ser la fuerza de izquierda más votada, sería el primer regidor socialista de Tui desde la era de Núñez, entre 1989 y 1991. Lo más curioso de las elecciones más abiertas de la democracia, en ausencia de mayorías absolutas, es que se revaloriza el poder de los partidos que, lejos de ser los más votados pueden ser la llave para la formación de gobierno. Tui era el municipio del sur gallego con más posibilidades de voto. Los 8 grupo que aspiraban a la alcaldía han conseguido representación en la futura corporación que tome posesión el día 13 de junio. El abanico es tan amplio que es difícil visualizar quién o quienes estarán en el gobierno y quién en oposición. 
Alternativa Tudense, con Miguel Capón al frente, consigue 2 ediles, uno menos que en el 2011. Los mismos gana Converxencia XXI, de Carlos Padín, el BNG con Carmen Núñez. José Manuel Sousa, de Alternativa Popular consigue 1 y Manuel González de Ciudadanos de Tui, 2.
«Estamos muy satisfechos con los resultados aunque fue una pena no conseguir ese cuarto edil que parecía que teníamos», afirmó el candidato socialista. «Intentaremos liderar esa alternativa al PP», avanzó Cabaleiro. El candidato del PP restó importancia a la debacle. «Es una caída importante pero el PP se presentó como se presentó, muy dividido, en 4 partidos de centro derecha que sumarían la mayoría absoluta», indicó Antonio Fernández Rocha. Laureano Alonso de Eu Son destacó la dificultad de una corporación tan variada. «Estamos dispuestos a pactar con todos menos con el PP», dejó claro ayer.
La Voz de Galicia

Historiador de Tui de bandas gallegas

Un músico jubilado de Tui ha empleado 35 años en conseguir datos y fotos, sin recurrir a Internet sino con relaciones personales
Pontevedra es la provincia gallega que ha tenido mayor número de bandas de música desde el año 1850 hasta la actualidad. El tudense Telmo García Rocha, de 85 años de edad, comenzó a recopilar información en 1980, cuando comenzó su actividad la actual Banda de Música Popular de Tui. Acaba de terminar su gran trabajo, que espera publicar.
La afición por la música en Galicia viene de lejos. Hay investigadores y publicaciones que así lo atestiguan. El tudense Telmo García Rocha, de 85 años, es músico jubilado y acaba de culminar el trabajo que le ha llevado tres décadas y que supone la recopilación de información sobre las 610 bandas de música que existieron en Galicia, incluidas las populares, municipales y militares. La provincia de Pontevedra se lleva la palma, con un total de 304, de las que 14 son municipales y 6 militares.
En número de bandas, le sigue la provincia de Lugo, con 117 (de las que 8 son municipales y 6 militares); Ourense con 906 (de ellas, 6 municipales y 2 militares); y A Coruña con 93 (figuran 5 municipales y 3 militares).
La gran aspiración del autor de este ingente trabajo, es conseguir su publicación, para que quede constancia pública de toda la información y "una aportación a la historia gallega de las bandas de música".
Ha logrado fotografías y demás información de los respectivos archivos de las agrupaciones mediante entrevistas personales, llamadas telefónicas, comunicaciones por escrito.... Todo han sido facilidades y felicitaciones "por la buena idea", le han venido diciendo.
Además del nombre de cada banda y cada localidad, consta el nombre de su primer director y fundador, con fotografía de la agrupación musical correspondiente.
La agrupación más antigua corresponde a la banda municipal de Lugo.
Telmo ha dedicado a esta labor muchas horas de su vida, sin internet, sin correo electrónico, ni wasap, utilizando sus amplios conocimientos, relaciones personales, amabilidad, y una ilusión tan grande que le ha permitido no desanimarse ni arrojar la toalla, y rematar lo que se había propuesto aquel día del año 1980, en el que comenzó, coincidiendo con la época del inicio de actividad de la Banda de Música Popular de Tui, en su actual etapa, en la que sigue.
Telmo González Rocha es autor de otras publicaciones anteriores, siempre vinculadas con Tui, como "Historia biográfica de las bandas de música, orfeones, corales y orquestas con sus directores. Tuy 1880-2006", otra obra de gran interés para este ámbito cultural, de tanto arraigo en la sociedad gallega.
in Faro de Vigo

Bacalao en el balcón del Miño São Teotónio ofrece buena cocina de producto y unas vistas insuperables

Visita clásica de fin de semana para numerosos gallegos, la villa fronteriza de Valença do Minho cobija dentro su formidable baluarte un interesante rincón gastronómico: el restaurante de la Pousada de São Teotónio. Es desde hace años la recomendación que la Guía Michelin hace a sus lectores cuando acuden a esta localidad, y es evidente que el consejo obedece a dos motivos: una correcta cocina de producto que incide en la gastronomía tradicional del Miño y las privilegiadas vistas desde el comedor, un balcón sobre el río con Tui como telón de fondo.
La Pousada ofrece a sus clientes un menú a 25 euros, con un par de primeros y dos segundos a elegir. El precio a la carta sube entre 5 y 10 euros de media, bodega aparte. Las raciones son generosas.
Para ir abriendo boca, el camarero trae unos entrantes a base de croquetas, buñuelos de bacalao y una ensalada de habas con una base similar a la de nuestro salpicón y a la que le sobra quizá algo de cebolla, pues su intensidad solapa los otros ingredientes.
De primero apostamos por una excelente crema de verduras que recuerda más bien a uno de los muchos caldos de nuestra tierra, con el repollo y la zanahoria mandando sobre el conjunto, bien harmonizado.
Otra buena opción es el revuelto de huevos con espárragos trigueros. Muy sencillo en apariencia, pero proporcionado, para que la fuerza de la verdura no tape el sabor del huevo. Se sirve templado, otro acierto. Bastante más discutible es la presentación, simulando unos ojos mediante rodajas de tomate y aceitunas negras. En este sentido, el plato admite ideas más frescas.
El restaurante prepara varias recetas con bacalao. Nos decantamos por un clásico de la gastronomía lusa, el bacalao dorado. Rico y abundante. Son migas de pescado mezcladas con patatas paja y huevo, lo que confiere al plato ese tono característico del que toma su nombre. El bacalao está bien desalado, el toque de perejil es perfecto y -esta vez sí- la cebolla aparece en su justa medida. La ración, abundantísima.
El día de la visita de La Voz de Galicia, en el menú había solomillos de cerdo sobre una doble cama de grelo y col fermentada. La carne es tierna y sabrosa, pero la receta no da el nivel del bacalao, quizá por el exceso de acidez en la combinación de verduras.
No es fácil elegir el postre en São Teotónio, que ofrece un amplio surtido de pasteles caseros, quesos y frutas, incluidas variedades tropicales.
Restaurante São Teotónio
De 25 a 30 ?
Dispone de un menú a 25 euros durante la semana.
Baluarte do Socorro 4930-619, Valença.
Tel. +351 21 011 4433
Apertura diaria.
in La Voz de Galicia

Nuevos Cursos en Caldelas


domingo, 24 de maio de 2015

Resultados Tui con 96,38% de Votos Escrutados


O Concello de Tui organiza os Campamentos de Verán para as dúas quincenas de xullo e a primeira de agosto

As inscricións realizaranse dende o 26 de maio ao 2 de xuño
O Concello de Tui, ao través da concellería de Deportes, organiza os Campamentos de Verán 2015, que se levarán a cabo durante o mes de xullo e a primeira quincena do mes de agosto.
Estes campamentos van destinados aos nenos/as e mozos/as de Tui con idades comprendidas entre os 3 e os 12 anos (idades cumpridas ao inicio de cada quenda), co fin de ofrecer unha alternativa lúdica-deportiva-educativa aos cativos/as do noso municipio. Ademais, co desenvolvemento destes campamentos, preténdese ofrecer unha alternativa aos pais e nais que traballan durante ese período, para que podan conciliar así a vida familiar e laboral.
As inscricións realizaranse na secretaría do Concello de Tui, dende o martes 26 de maio ata o martes 2 de xuño, no horario de 09.00 a 14.00 horas, entregando cumprimentado o formulario de solicitude xunto á documentación requirida nas bases, que poden consultarse na páxina web do Concello de Tui www.concellotui.org ou na secretaría do Concello.

Feira de Oportunidades de Tui

 A Asociación de Comerciantes e Industriais de Tui, ACITUI, celebra esta fin de semana, sábado e domingo na Glorieta de Vigo, a súa Feira de Oportunidades den de ás doce do mediodía.
Lorena Martínez, tesoureira de ACITUI, explicaba que este tipo de feiras están dando moi bo resultado, destacando que na desta fin de semana haberá novidades con actividades paralelas. 
Haberá 20 postos de comercios tudenses que ofrecerán prezos especiais nos seus produtos nunha ampla gama de artigos. 
Como actividades paralelas haberá inchables tanto o sábado coma o domingo a partir das cinco e media da tarde. O sábado ás 17.30h actuará as pandereteiras Asdabadía da Asociación Cultural A Insua de Caldelas, ás 19.30h o grupo de gaitas de Valdeflores da Asociación Cultural Valdeflores de Baldráns. Amais haberá exhibicións de aerodanza ás 18 e ás 20.30h e tamén farán probas de slackline. Mentres o domingo ás 18:30 horas actuará o grupo de gaitas Lostregos da Asociación Cultural e Xuvenil do Traxe Tradicional de Tui

Por que você deve visitar Valença do Minho, em Portugal?

Valença do Minho é uma histórica povoação do Norte de Portugal, sede de município, localizada bem na fronteira com Espanha, por ela separada pelo bonito Rio Minho, e bem rodeada de muralhas no alto de uma colina, ostentando o seu longo cariz defensivo. 
Valença foi de extrema importância no decorrer da Idade Média, no alto do Monte com uma vista privilegiada sobre a linha de fronteira, inúmeras vezes assediada pelo vizinho Espanhol, sendo igualmente local de passagem dos “Caminhos de Santiago”, que numa barca que partia do Cais de Valença, passavam o Rio Minho. 
A cidade de Valença é dominada pela fortaleza de duas torres e muralha dupla, dos séculos XVII e XVIII, ao estilo do engenheiro e arquiteto militar francês Vauban, existindo ainda vestígios das muralhas anteriores. Na Fortaleza funciona, hoje em dia, uma das mais conceituadas Pousadas de Portugal: a pousada de São Teotónio. 
Vários monumentos embelezam a vila de Valença, existindo na região várias casas brasonadas, solares minhotos e pequenos palacetes que demonstram o seu cariz de Vila fidalga, de importância económica desde cedo, como é o caso da quatrocentista Casa do Eirado, a Casa do Poço ou a bonita Quinta da Mota. 
O fervor religioso está patente nas Igrejas da Misericórdia (século XVI), da Colegiada de Santo Estêvão (século XIII), na Matriz de Santa Maria dos Anjos (século XIII) ou nas Capelas Militares do Bom Jesus (século XVII), na de São Sebastião, na de Nossa Senhora da Saúde e na do Nosso Senhor dos Esquecidos. 
Valença reparte-se entre empedradas ruas estreitas que respiram história, onde um existe um afamado e concorrido comércio, nomeadamente de produtos artesanais, com diversas pequenas e típicas lojas de comércio tradicional, destacando-se trabalhos em ouro, linho, cerâmica e vime. 
Vivi quase 6 anos em terras portuguesas. Começo a fazer um balanço de como foi tudo até chegar lá e posso garantir uma coisa: não foi tão árduo assim. Claro, nem tudo são flores, mas sem terrorismo, é possível.
Tudo começou em maio de 2008, recordo do meu primeiro trabalho, foi no Restaurante Bom Jesus, localizado numa área central da fortaleza, o largo de Bom Jesus onde há uma bela capela, com seus encantos medievais. Foram dois lindos meses. Foi lá que conheci iguarias seculares.
Servíamos pratos tradicionais como arroz de Lampreia, polvo à galega, arroz de mariscos, muito parecido com a paella espanhola, mas com um diferencial a se levar em consideração, o sabor legítimo e inigualável do tempero português. Demais...
Em seguida recebi uma proposta para trabalhar em uma empresa de exportação de artigos em cobre, no final de 2009 e, um ano mais tarde, fui para uma loja de eletrodomésticos, no centro da cidade de Valença. Peíodo fértil e muito feliz...
Minhas experiências enquanto no trabalho foram ótimas, conheci pessoas incríveis às quais sou grato eternamente.
 Mas os encantos de Valença, suas cores e cheiros, sua gente e seu jeito de ser são o que me faz sonhar em voltar um dia...
 Valença me proporcionou conhecer outros lugares encantadores, como Coimbra, a cidade do Porto, a majestosa Capital, Lisboa,  mas Valença, é especial. É como estar em casa...

Valenciano Recebe Campos


Andaina Musical en Caldelas


sábado, 23 de maio de 2015

Grupo Gran Torino en Tui

O domingo ás 20.30h estará no Bar Betún en Tui o grupo Gran Torino, swing irreverente dende Madrid. No Día a Día conversamos con Juantxo de la Calle, membr o do grupo, xunto a Elvo Jones e Alberto Mayoral, que deu detalles do concerto e do seu particular estilo.

sexta-feira, 22 de maio de 2015

Valença em Direto na TVG Fortaleza de Valença Palco do AQUIGALICIA

Valença recebe o programa AQUIGALICIA, da Televisión de Galicia, sábado, 23 de maio, em direto da Fortaleza, entre as 15h30 e as 18h00 (PT), mostrando a cidade e a sua emblemática relação de fronteira com a Galiza.
Artistas portugueses e espanhóis, como a cantora galega Sabela, o grupo canário Kioto Latino, a orquestra portuguesa Função Públika, os grupos de música popular Lirolai, de O Rosal e Lembranzas da Terra, de Tui, os Amigos do Bombinho, de Valença e a Escola de Dança de Valença Adeixa prometem uma tarde muito animada. O programa contará, ainda, com a participação das nove aspirantes a representar a Galiza no certame de Miss Internacional.
Entre as várias reportagens que vão aparecer no programa destacam-se  as emblemáticas “Trapicheiras”, as memórias da antiga fronteira, a festa das maias de Valença e o emblemático comércio tradicional. No campo gastronómico o famoso Caldo Verde de Valença, considerado uma das 7 Maravilhas Gastronómicas de Portugal e o Bacalhau que em Valença é rei na restauração representarão as iguarias valencianas.
A Ecopista do Rio Minho, considerada a 4ª Melhor Via Verde da Europa e o rio Minho, espaço natural e palco de grandes competições desportivas e atletas de renome mundial como  Iván Alonso darão a nota de uma Eurocidade que projeta o desporto e valoriza os espaços naturais.
A par do programa decorrerá uma Mostra de Produtos Locais que contará com  doçaria local, vinhos alvarinho de Valença, produtos do campo, a famosa broa de milho e o artesanato do grupos de artesãos da Valença Arte nas Mãos.

Festival de Patinaxe do Club Patinaxe Artístico Ribex

Será este sábado 23, ás 18.30, no novo pavillón deportivo municipal de Tui
Se o sábado pasado se celebrou o acto de clausura das escolas deportivas de patinaxe da Deputación de Pontevedra no Concello de Tui, no que máis de 1.000 patinadores e patinadoras das veinticinco escolas deportivas de patinaxe da provincia de Pontevedra, demostraron ante un pavillón cheo de espectadores, o aprendido nos seus adestramentos realizados dende o pasado mes de outubro, este sábado 23 se realizará o Festival de Verán de Patinaxe co que o CPA Ribex pecha a súa tempada.
O novo pavillón deportivo municipal tudense volverá a encherse de público que gozará coas actuacións dos grupos do CPA Ribex, así como de grupos convidados de Tomiño, Vigo e Mos. Así mesmo, neste festival patinarán os subcampións da Copa de España de Patinaxe e os campións do programa Xógade do Deporte Galego da Xunta de Galicia, tanto en categoría infantil como en primaria.
O Concello de Tui desexa felicitar ao Club Patinaxe Ribex de Tui, polo apoio realizado no acto de clausura das escolas deportivas de patinaxe e pola organización deste festival, e anima a tódolos tudenses a participar como espectadores neste novo evento deportivo que se realiza no noso concello.

terça-feira, 19 de maio de 2015

O Concello de Tui impartirá cursos de “Tapas, petiscos e canapés” e “Acompañante de transporte escolar” ao abeiro do programa Actívate da Deputación

O Concello de Tui impartirá no outono dous novos cursos ao abeiro do programa Actívate da Deputación de Pontevedra para os que mañá martes, 19 de maio, se abrirá o prazo de inscrición. 
En concreto os cursos que se ofertan son de “Tapas, petiscos e canapés”  que se celebrará do 21 de setembro ao 2 de outubro, de 9 a 13h; e “Acompañante de transporte escolar” que terá lugar do 19 ao 30 de outubro de 9 a 13h. Estas dúas actividades formativas terán un total de 40 horas lectivas. 
Estes cursos van dirixidos a mozos e mozas de 16 a 35 anos que deberán presentar a súa solicitude no rexistro de entrada do Concello de Tui entre o 19 de maio e o 28 de xuño, ás 14h, acompañada do DNI e Tarxeta de Demandante de Emprego de ser o caso. 
Haberá entre 15 e 25 prazas por curso, e no caso de presentarse máis de 25 solicitudes terán prioridade as persoas desempregadas de Tui, as persoas en activo, os desempregados doutros concello, persoas en activo doutros concello, e por último as persoas que non cumpran os requisitos de idade. 

O Rio Minho em Exposição Temática em Valença

    A Câmara Municipal de Valença apresenta a exposição temática "Rio Minho: Identidade, Património Natural e Cultural", até 13 de junho, no Núcleo Museológico Municipal, na Fortaleza.
     Os barcos Carochos, os Biturões, as redes de pesca, antiquíssimos carretos de pesca, painéis temáticos, aquários com espécies dominantes no rio, imagens e documentos históricos são alguns dos atrativos desta exposição no museu valenciano.
     Um conjunto de 11 painéis apresenta uma perspetiva completa do rio Minho com destaque para os aproveitamentos tradicionais do rio, os bosques de ribeira, as aves, as espécies invasoras, os peixes, os invertebrados, os anfíbios, mamíferos, repteis e os problemas ecológicos que afetam este rio. Uma mostra de painéis cuja base cientifica se centra no estudo realizado pelo G.E.A.S. – Grupo de Estudo dos Animais Salvaxes.
     O Rio Minho proporciona a Valença uma frente ribeirinha de mais de 20 Km's de extensão, hoje, possível de descobrir através do corredor verde da Ecopista do Rio Minho.
     A bacia hidrográfica do rio Minho é uma das duas em Portugal onde é possível, por exemplo, encontrar o salmão. Uma das espécies presentes a par do sável, savelha, lampreia, truta, entre tantas outras. Um espaço onde aparecem algumas espécies de mamíferos associadas ao meio aquático e vegetação ribeirinha, como a lontra que torna o rio Minho, na sua passagem por Valença, um habitat e corredor ecológico de elevada importância.
     Esta exposição é uma oportunidade para ficar a conhecer melhor a relação de Valença com o rio Minho, ao longo dos tempos, o seu aproveitamento, recursos e influência que o mesmo foi tendo na formatação da identidade desta cidade fronteiriça e ribeirinha.

Talleres de Macetas y Vidriera