domingo, 3 de julho de 2016

TRILHO MONTE CARVALHO

O percurso começa junto à Igreja da Silva e tem uma extensão de 10,9 Kms, uma duração prevista de 4h e desenvolve-se pelas freguesias da Silva, São Julião e Fontoura. Trata-se de um percurso, sobretudo, histórico-cultural, de grau fácil.
    Os primeiros pontos de interesse do percurso são uma Ara Funerária medieval, vários sarcófagos e os portais singulares da antiga Igreja da Silva. Na sequência do percurso merece especial referência os extensos vinhedos de alvarinho, as casa senhoriais da Quintela e a Casa da Torre da Silva, esta última com características medievais e com uma Torre em forma quadrangular defensiva. O percurso contínua até à Igreja de São Julião, com uns bancos singulares em granito. Lentamente o percurso chega à Capela de São Gabriel, na freguesia de Fontoura, local com vista panorâmica. Antes de chegar ao lugar de Gontomil, é possível observar o património hidrológico existente, nomeadamente os tradicionais moinhos de água e as azenhas. Aqui cruzamo-nos com o tradicional Caminho de Santiago, repleto de lendas, histórias e outras cantigas que só os locais nos podem contar. Passo-a-passo, este ambiente de peregrinação, revela-se na descoberta do caminho. Voltamos a entrar em zonas de campos agrícolas e deixamos para traz o Caminho de Santiago. Assim continuando este percurso, vamos em direcção à freguesia da Silva, onde teve início o mesmo. Antes de finalizarmos o percurso pode-se observar o cruzeiro paroquial, um magnífico trabalho elaborado em rocha granítica.